sexta-feira, 14 de novembro de 2014

OMFUCKGOD


Estou dando pulos enormes de alegria consegui voltar parra os 50kgs na quata-feira, e estou conseguindo manter. Ainda faltam mais de 30 dias para o natal, logo se eu continuar assim, vou estar mais magra do que eu desejaria estar!!!

Eu estava seguindo a dieta da USP.

Meu imc hoje é 18 * ------ *


Alie: Vai ser um musical natalino, me manda seu email nesse email: unhappythin@hotmail.com, que eu te mando as fotos, e se fizerem algum vídeo também. =]

 

segunda-feira, 3 de novembro de 2014

News

~Desculpem-me, pelo post gigante! :x

Antes das atualizações, uma resposta breve aos comentários:
*Alie: Não sou eu a bailarina da foto, eu deparei-me com a imagem e foi amor a primeira vista! Ainda tenho muita banha pra queimar pra ficar daquela forma.
*Sr.(a) Anonimo(a), eu enviei meu email em uma ask no seu tumblr, espero poder te ajudar. =] 

Meu peso continua o mesmo, as minhas medidas estão menores, o carma da minha vida!
Nesses meses que deixei de escrever, grandes coisas aconteceram... Eu fiz uma viagem pro exterior, tive meu primeiro festival, subi de nivel no ballet, e em breve subirei nos palcos novamente, e engraçado ver metas e sonhos traçadas a muito tempo se concretizando, e notar que não me sinto mais feliz ou mais especial do que eu imaginei que seria,então meio que por me sentir ingrata, por não estar feliz pelas coisas boas, abdiquei de escrevê-las.

Sinto que por mais que 11 anos já tenham passado, eu não evolui, continuo presa em costumes que vão continuar deteriorando a minha vida social. Por mais que eu não levante uma bandeira ou tenha uma placa pendurada em meu pescoço, o TA esta ali gritando pra todo mundo ouvir por mais que eu tente sufocá-lo.

Um certo dia, o tema da aula foi: Empreendedorismo - Moda, sobre marcas que abrangem obesidade e anoréxicos, é estranho notar que quando surge o tema transtorno alimentar as pessoas olham pra mim (e não, não é complexo de perseguição), pois no intervalo uma colega de sala veio com um salgado, olha pra vc, presente! Eu respondi: Já comi obrigada, ela nem disfarçou e falou pra outra menina que estava com ela: Eu não disse, as pessoas que são assim sempre respondem dessa forma quando é oferecido comida!. (e não nunca comentei sobre os meus problemas com ninguém desse curso).
Cacete! Estou presente, adoro quando as pessoas resolvem falar de mim, como se eu fosse invisível.

Ah! Cuidem de suas vidas e me deixem em paz. (Grito interior).

Mudando de assunto: Estou morta de inveja desses bracinhos /perninhas e cinturinha: